Siscom completa seu executive board
Companhia, visando desenvolvimento contínuo das equipes, investe ainda em projeto de meritocracia 15/06/2016 12:36
» Satoshi Fukuura
A Siscom anunciou a conclusão de seu executive board. A iniciativa é um dos principais pilares da estratégia de crescimento da companhia que, além de investir fortemente em pessoas, também adquiriu recursos para o desenvolvimento de novas tecnologias. Com ampla carteira de clientes e prezando por inovação. O novo board começou a se formar no ano passado, quando Claudio Kawasaki, fundador e até então presidente da Siscom, passou a atuar como presidente do Conselho de Administração. Satoshi Fukuura, que atuava como diretor executivo assumiu a posição de CEO da companhia; Rogério Tosaki ingressou na empresa no cargo de CFO; André Hirota responde como diretor Jurídico e de Planejamento e, Rogério Devechi atua como diretor operacional, função que passa a dividir com Felipe Dantas, também recém-chegado à empresa.

Em 2015, a Siscom fechou o ano com um faturamento de R$ 97 milhões e prevê um bom desempenho para este ano, mesmo diante do atual cenário econômico. "Assumi a presidência da Siscom com a missão de manter o crescimento contínuo, além de intensificar os processos de governança corporativa e planejamento estratégico da companhia, garantindo a qualidade do atendimento prestado aos nossos clientes e os bons resultados alcançados pelo nosso time. Toda equipe está muito comprometida com esses desafios e conto com o apoio dos diretores neste plano que estamos concretizando com sucesso. A conclusão do nosso executive board é mais um importante passo que damos na nossa estratégia de desenvolvimento", explica Fukuura.

Outra iniciativa da empresa para reforçar o plano de crescimento foi a estruturação de um programa de meritocracia voltado aos gestores das áreas operacionais e administrativas. "A Siscom reconhece a importância de manter um time motivado e de alta performance para o sucesso dos negócios e, por isso, investimos em uma gestão orientada à meritocracia. Acreditamos que - ainda que o mercado esteja passando por um momento mais desafiador - essa é uma das maneiras mais eficientes de desenvolver e valorizar nosso time, estimulando assim o desenvolvimento e entrega de resultados", continua o CEO.

Seguindo as melhores práticas que norteiam os programas de meritocracia e tendo como objetivo promover a eficiência e produtividade das equipes, a Siscom traçou metas claras e que estão diretamente relacionadas aos bônus, sendo que ambos foram previamente acordados com os executivos. A partir disso, o acompanhamento dos resultados será feito durante todo o ano, com premiações que acontecem mensal e semestralmente. De acordo com o plano traçado para cada gestor, as premiações variam desde um valor financeiro adicional - que pode chegar até dez salários no ano - até prêmios como carros e viagens, que serão entregues em dezembro aos profissionais que mais se destacarem.

"Pela minha experiência, empresas que possuem uma gestão orientada à meritocracia, investindo no desenvolvimento e reconhecimento de seus profissionais alcançam resultados positivos e, o executive board da Siscom está alinhado a esse propósito. Por isso desenvolvemos um programa de remuneração variável com metas transparentes e boas alternativas de premiações, no qual todos conhecem as regras e sabem quanto irão ganhar se alcançarem os objetivos. Mas, o programa vai além da remuneração, o nosso foco principal também é a atração e a retenção de talentos", finaliza Tosaki.
Matérias Relacionadas

Compartilhe

Twitter Facebook Linkedin
Mais Lidas
Case: Uma central apaixonante
Rodrigo Devail
Ticket
exibições: 516
00:02:26
Case: Uma jornada centrada nas pessoas
Joice Silva
MRV
exibições: 401
00:01:21
Total de vídeos: » 1.235
http://www.portalcreditoecobranca.com.br