Dois lados da moeda?
Inadimplência pode tanto influenciar de forma positiva como negativa, segundo executivo 30/07/2014 02:59
» Francisco Pereira
Estar endividado é uma situação pela qual ninguém quer passar, afinal, atrapalha não só a vida pessoal como a profissional. No entanto, da mesma forma que ela pode influenciar negativamente no trabalho, a inadimplência pode servir como fator de motivação, segundo Francisco Pereira, CEO da Agyx Cobranças. "A questão da inadimplência poderá influenciar o cobrador para que consiga melhores salários, resultados e prêmios para se livrar da dívida, embora ao considerar a dívida impagável, poderá ser um fator desmotivador", explica.

Ele conta que muitas vezes os funcionários, com medo de algum tipo de penalização, preferem não comentar sobre os problemas de dívidas. Porém, se o funcionário estiver disposto a compartilhar o fato, em muitos casos o seu superior pode aconselhá-lo a como liquidar essa dívida. "O auxílio pode partir de campanhas motivacionais e premiações por resultados. Além disso, como a empresa tem a regra de consultar periodicamente o CPF dos funcionários, poderá incentivá-lo a negociar a redução dos valores e o pagamento em parcelas", comenta.

Nesses casos, o melhor a se fazer, é esperar que o colaborador aborde o assunto. "Tratando-se de uma dívida impagável e/ou muito alta e este profissional passe a receber ligações e notificações de cobrança, pode ocasionar o fator desmotivador e inibir o seu potencial. Como essa questão ainda é pouco conhecida nas empresas, pois os colaboradores preferem tratar o problema de forma a não se expor, desde que não influencie no resultado pessoal, é aconselhável aguardar a iniciativa do funcionário", afirma.
Matérias Relacionadas

Compartilhe

Twitter Facebook Linkedin
Mais Lidas
Uma cultura centrada no cliente
Fábio Avellar
Vivo
exibições: 1967
00:09:17
Experiência a favor da mudança
Simone Fett
Tok&Stok
exibições: 338
00:09:39
Total de vídeos: » 1.185
http://www.portalcreditoecobranca.com.br